LIGA SAGRES: Sporting-Benfica, 3-2 (crónica)


sporting_benfica_2006

Por cada herói, há um vilão. Os optimistas recordarão dois golos portentosos de Liedson, o coração de Derlei, a entrada de Pereirinha, a velocidade de reacção de Suazo, a frieza de Reyes, o instinto de Cardozo a beleza de um derby sem paralelo (3-2). Os pessimistas falam dos erros de David Luiz (tantos e tantos) e Polga, do braço de Maxi que escapou à sanção de Olegário Benquerença. Apontarão mais casos e incidentes fora das quarto linhas. Como queiram. Foi um jogão, um concentrado de emoções. Um clássico.

ninguemparaobenfica1lk1wr21

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: