Primeira Liga: Feirense 1 Benfica 2.(resumo).


Sempre a somar

O Benfica venceu no terreno do Feirense por 2-1 num jogo em que esteve a perder e em que precisou de um auto-golo e de um penalty para dar a volta ao resultado. Destaque ainda para a excelente atitude da equipa da casa.
Numa primeira parte animada, o Feirense tentou bater-se de igual para igual com o Benfica e pertenceu-lhe mesmo a primeira grande situação de golo através de uma bola à barra de Diogo Cunha. A partir daí, e apesar do Feirense nunca ter desistido de atacar, foi o Benfica a equipa mais perigosa, com Rodrigo em destaque em pelo menos duas ocasiões claras de golo (uma grande defesa de Paulo Lopes e uma bola a rasar a barra).
O início da segunda parte foi polémico com o Feirense  a introduzir a bola na baliza mas o árbitro a assinalar fora-de-jogo (decisão errada). No entanto, a equipa da casa viria mesmo a marcar pouco depois (51) por Varela, de cabeça, após canto. O mesmo Varela voltou a marcar três minutos depois mas na baliza errada. Um desvio infeliz do central a um remate de Cardozo.
Se Varela já estava no centro das atenções por ter estado nos dois golos do jogo, ainda mais ficou por ter cometido grande penalidade sobre Rodrigo. Na marcação do penalty prevaleceu a frieza de Oscar Cardozo a adiantar o Benfica no marcador, resultado que não se alterou até final.
Com a vitória arrancada a ferros, o Benfica vai continuar na liderança isolada do campeonato, ficando agora à espera do resultado do FC Porto na deslocação a Barcelos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: